ÉRAMOS JOVENS

quinta-feira, 30 de junho de 2011

Viu, Não Falei????


Eu assisto Datena, tá? E daí? Kkkk
Ontem ele estava entrevistando um cara que esteve morto e noticiado quase o dia todo. Eu mesma fiquei meio assim, pois gosto muito dele, do Amin. Ele me lembra do sim-salamim! Aí o Datena que fala mais que eu, ganha mais que eu e tem mais ouro que eu disse que a velocidade da internet é (o que já sabemos) algo assustador. Ela cria e destrói mitos, verdades, mentiras. A internet mata, enterra, ressuscita e faz nascer.
Cabe a quem usa, discernir. Volto lá no primeiro texto. Isso é uma maravilha, mas lá no manual de instrução do ser humano está escrito: “tudo me é permitido, porém nem tudo me convém”; você vai ter que pesar o que julga ético, o que faz parte do conjunto da moral do seu grupo, sua cultura, o que lhe foi transmitido de informações seja pelo DNA, seja pela sua criação etc.
Acredito num Deus de JUSTIÇA e não num deus vingativo demais ou bonzinho demais.
Logo, essa malha de computadores interligados é um meio de comunicação maravilhoso, barato e que te põe cara a cara com o mundo. E cada dia, escolhemos menos as coisas boas.
Daí eu não engolir que fulanos, beltranas ou similares foram “enganados” por outros através da internet. Tem um dizer mulçumano que é mais ou menos isso: “quando você mente a primeira vez para mim, VOCE enganou; quando você mente a segunda vez EU ME ENGANEI.” Se não é isso é quase isso, a questão é que se na primeira mentira eu quis acreditar, então a segunda é consequência, a terceira, a quarta... quem quis fui eu.
Aí me dizem que sou desconfiada, que sou ingrata por não acreditar em alguns amores, em alguns “amigos” ora, e não acredito messsssssssssssssmo a não ser que EU queira lá no fundo ser ludibriada, seja fisicamente, financeiramente (hahaha) ou psicologicamente.
Talvez amanhã eu entre aqui e dê minha foto à teclatória (mão à palmatória), mas como diz o pessoal do AA: POR HOJE NÃO!
“vi isso ou aquilo na net”, ótima fonte de pesquisa, mas... o que quero dizer é: VÁ MAIS A FUNDO, procure mais, leia mais, pense, pelo amor de Deus pense mais. Tenha senso crítico! Questione! Aos outros e principalmente a você mesmo.
A noticia da morte do moço, soou até que engraçada, uma autopromoção (de quem “tuitou”), uma propaganda ao avesso, amigos da tv chorando, pseudos jornalistas informando até onde e como seria o enterro e ele lá PUTÍSSIMO da vida. E por quê? Porque tem gente real que poderia até ter morrido ao saber de sua suposta morte: a mãe, o irmão, amigos distantes.
Então, cabe mais cuidado. Às vezes, perdemos excelentes oportunidades de ficarmos calados. Eu que o diga! Agora já sei, fico caladinha com quem deveria falar e solto tudo aqui. Meu divã é meu teclado e meu analista é a parte SÃ de minha alma! Tá??? APRENDAM.
Kkkkkkkkkk
é........... ADOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOORO.
Beijos.
LOYRA

Um comentário:

Virna Lize disse...

vixe parei de seguir vc nao, acho que eu so comentava seu blog sem seguir mesmo, pq ele esta em favoritos, ara eu adorei seu comentario, vou continuar lendo e seguindo( que da no msmo) pq adoro sua leitura, me acabo de ri com suas aventuras, beijos loruda , agora cliquei em seguir vamos ver se aparece ai. beijoooo se cuida!!!